Gestão de pessoas com conhecimento e números poderosos

29 de agosto de 2011 | Publicado em Notícias | Deixar um comentário

mba - Presidente

Mensurar resultados é um dos diferenciais do primeiro curso do Brasil lançado pela FESP, SESI, Unindus, Sextante e ABRH na última sexta-feira

Com o objetivo de mudar paradigmas dentro de uma gestão de recursos humanos atrelada a mensuração de indicadores e metas completamente estratégicas, o MBA Gestão do Valor Humano nos Negócios teve sua aula inaugural realizada na última sexta-feira.

O evento aconteceu no grande auditório da Faculdade de Educação Superior do Paraná (Fesp) reunindo diretores, professores, autoridades, alunos e convidados.

“A grande lacuna do mercado na gestão de pessoas será preenchida pelos profissionais que se especializarem e de fato mensurarem seus relutados. O espaço do profissional de RH que foi embora, será ocupado pelos profissionais que fazem este MBA inédito no país”, destacou o presidente da FESP, Antonio Carlos Morozowski fazendo menção a importância do conteúdo do curso enquanto fazia a abertura oficial do evento.

O curso é realizado através da parceria entre a FESP e o Serviço Social da Indústria (SESI PR), com cooperação da Sextante Brasil, Universidade da Indústria (UNINDUS) e a Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH/PR).

Um dos grandes diferenciais dentro da estrutura do curso é proporcionar ferramentas para os gestores trabalharem com a mensuração das atividades de gestão de pessoas, tornando o intangível em medidas para decisões estratégicas nas empresas.

Durante o lançamento, o superintendente do SESI, José Antônio Fares chamou atenção para a relação entre o gestor de recursos humanos e o mercado. “A sociedade precisa de um profissional de RH mantenedor. A nossa expectativa é fazer com que a relação entre a sociedade e o mercado seja cada dia menos conflitante, por isso é preciso mensurar os resultados dentro das ações de gestão”, disse Fares apontando que não há mais espaço no mercado para o profissional de gestão de pessoas que se baseia em valores intangíveis e práticas conservadoras.

“Os esforços para que os profissionais de recursos humanos trabalhem com ferramentas atualizadas sempre atentas ao mercado são grandes”, explicou a presidente da ABRH PR, Sonia Gurgel. Em seu discurso, Sonia destacou que a necessidade de mudança de postura destes profissionais é urgente, principalmente para transformar o intangível em indicadores que traduzam em números as propostas de desenvolvimento das empresas.

O novo perfil do profissional gestor de recursos humanos foi claramente destacado por Rugenia Pomi, socióloga e co-fundadora da Sextante Brasil que coordena o MBA ao lado do professor da FESP, Cícero Marques.“Um gestor de pessoas precisa ter números que apontem a atração, contratação e a retenção de pessoas para poder ter estratégias de gestão e crescimento. Em termos financeiros, quando há informações tangíveis, as possibilidades de adesão e investimentos para retenção de recursos humanos é imediata”, disse Rugenia justificando que a linguagem do mundo dos negócios é completamente tangível.

Pioneirismo

A Sextante Brasil foi a primeira instituição do País a estudar a mensuração da gestão de pessoas e desenvolver métricas que possibilitam obter resultados tangíveis. Em sua palestra, Rugenia Pomi disse que esse novo modelo permite medir o equilíbrio financeiro e pessoal das organizações, fazendo com que as empresas possam gerar riquezas com sustentabilidade, sem deixar para trás rastros negativos, como altos índices de doença e de acidente de trabalho.

De acordo com Rugenia, com o cenário econômico favorável, o desafio de formar pessoas é cada dia mais importante. “Nós precisamos formar pessoas porque temos escassez de pessoas no Brasil. Os desafios dentro do atual cenário econômico são plenamente favoráveis para as pessoas capacitadas, preparadas. Não se pode esquecer que o capital é volúvel. O dinheiro que vem, vai, e as pessoas precisam de base, de conhecimento e estratégia para equilibrar tantos desafios”, disse Rugenia Pomi.

O MBA Gestão do Valor Humano nos Negócios está oficialmente confirmado e os interessados podem obter mais informações diretamente na FESP. O curso tem como foco a gestão de indicadores, métricas e ferramentas estratégicas para o RH. A grade curricular é formada a partir das necessidades do mercado e dos negócios. O programa inclui matérias de gestão de pessoas, assim como economia, sustentabilidade, análise de dados, planejamento estratégico, comunicação institucional, tomadas de decisão e benefícios aplicáveis nos negócios.

MBA - Fares

Para o superintendente do SESI, José Antônio Fares, a sociedade precisa de um RH mantenedor

MBA - Sonia Gurgel

Sonia Gurgel, presidente da ABRH/PR destacou que o Paraná tem se esforçado para que os profissionais de RH trabalhem com ferramentas atualizadas

mba 1

“Nós precisamos formar pessoas porquê temos escassez de pessoas no Brasil”, disse Rugenia Pomi, da Sextante Brasil

MBA - 3

Marco Paludo, diretor acadêmico da FESP, Sonia Gurgel, presidente da ABRH/PR, Carlos Eduardo Guimarães, diretor financeiro da FESP, José Antônio Fares, superintendente do SESI/PR, Rugenia Pomi, da Sextante Brasil e Antonio Carlos Morozowski, presidente da FESP

MBA - 2

Por Kelson Henrique

Jornalista

FACULDADE DE EDUCAÇÃO SUPERIOR DO PARANÁ – FESP

55 41 3028-6563

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>